Nossa História
Nossa História

A Federação Goiana de Judô foi fundada em 24 de julho de 1964, sendo reconhecida de utilidade pública estadual pela Lei n.9.524/84, e teve como seu primeiro presidente o professor Dr. Julpiano Chaves, e atualmente o professor Dr. Josmar Amaral Gonçalves, que assumiu a Federação desde 19 de março de 2005, e terá seu mandato até março de 2.021, em sua terceira gestão .

 

A FEGOJU já realizou inúmeros eventos estaduais, interestaduais e nacionais, e consta o campeonato brasileiro juvenil - masculino e feminino, em setembro de 1.995 como o primeiro evento nacional realizado pela FEGOJU, em âmbito nacional final, na cidade de Anápolis.

 

Foram inúmeros campeões formados pela Federação Goiana, e que levam o nome de nosso Estado de Goiás à todo o território nacional e a nível internacional.

 

No ano de 2006, tivemos o atleta Carlos Otávio de Araújo classificado em terceiro lugar no Campeonato Pan-americano Pré-Juvenil, em 2007, o atleta Thalles Faria Silva, consagrou-se terceiro lugar no Sul-americano, Pré-Juvenil, e também, destaque para o atleta André Augusto Barcellos, campeão 2007, na classe Juvenil, no Sul-americano. Fizemos um campeão mundial máster, o atleta Joseph Kleber Guilherme Lisardo, em São Paulo, também em 2007, entre vários títulos conquistados, ressalvamos o último conquistado pelo atleta Hérlio Mariano Braz de Morais Júnior, de Anápolis que foi campeão brasileiro sub 13 anos em João Pessoa no ano de 2014 e participa do Pan-americano da classe em Puerto Rico na cidade de Carolina no mês de Outubro.

 

A Federação tem orgulho de seus resultados, e principalmente, por estar desenvolvendo um trabalho sério, voltado ao mundo moderno, que requer estratégias de trabalho, com planejamento e determinação. Nossas ações visam o bem maior do judô, a disciplina e a moral, mas dando a importância devida ao esporte de alto rendimento.

 

A Federação Goiana está lado a lado com a Confederação Brasileira de Judô, tendo sido espaldado todos os atos de direção, com muita eficiência, estamos realizando eventos supervisionados pela CBJ, e como aconteceu em 2005 e 2007, o Brasileiros Juvenil, em 2008 o Campeonato Brasileiro Regional 2008, 2013 e 2018, o Brasileiro final sub 18 anos em 2010,  Grand Prix Final Feminino 2015 em novembro de 2015 em Goiânia, televisionado pelo o SPORT TV.

 

Nossas ações são planejadas, pois já estamos com o regulamento técnico e calendário 2019 , concretizado e pronto.

 

No âmbito social a Federação Goiana de Judô manteve convênio com a Prefeitura Municipal de Anápolis entre os anos de 2010 e 2016 e atendeu cerca de 5.000 alunos neste período, com aulas inteiramente gratuitas e com uniformes e judoguis sem custos aos participantes, além de dar condições de exercício da atividade de professor e monitor a dez faixas pretas.

  

Nosso trabalho é árduo, e graças ao apoio de todos, professores, diretoria, àrbitros e principalmente de pessoas com bons propósitos, temos engrandecido e fortalecido ainda mais a FEGOJU.

 

Continuemos firmes no trajeto, sem deixar-nos molestar por pensamentos negativos e destrutivos.

  

FEGOJU

JOSMAR AMARAL GONÇALVES

PRESIDÊNCIA

PRESIDÊNCIA